• Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Blogger Social Icon

© 2017 por Multicentro Saúde. 

10 fatos sobre depressão que você precisa saber.

July 3, 2017

A depressão é um dos transtornos mentais mais comuns no mundo e o mais estudado. 

 

Segundo estudos da OMS(Organização Mundial de Saúde) e projeções para 2020, será a segunda doença mais incapacitante no mundo, levando a muitos afastamentos do trabalho e perda de dinheiro, perdendo apenas para as doenças cardiovasculares como Infarto e Derrame(Acidente Vascular cerebral). 

 

A previsão é que 15% das pessoas do mundo todo ao longo da vida terão depressão e 1 em cada 4 mulheres terão a doença. 

 

 

A depressão pode ser comparada a um adormecimento cerebral, como se o cérebro estivesse sonolento por vários meses e com funcionamento bem abaixo do normal. Isto tem relação com a química cerebral, como se o cérebro tivesse sido colocado em um liquidificador e ficasse tudo misturado e bagunçado, fora da ordem, como uma sopra de letrinhas confusa e sem sentido.

 

 

Confira abaixo 10 fatos importantes sobre a depressão para auxiliar no diagnóstico e tratamento. 

 

1-Mas, afinal de contas, o que é depressão?

Depressão é um conjunto de sintomas que mesclam fatores psíquicos, orgânicos-físicos e sociais. 

O Fatores psíquicos  mais comuns que causam a depressão podem ser: baixa autoestima, transtorno de personalidade, bullyng, insegurança, traumas da vida como abuso sexual ou violência. 

A depressão pode agravar os sintomas , caso não seja tratada adequadamente. Podem ser considerados sintomas de alarme, ou seja, acenda a luz vermelha e procure um médico em caso de aparecimento dos seguintes sintomas: a tristeza, a melancolia, a apatia, o desânimo, queda do interesse pelas coisas e atividades em geral, queda da produtividade no trabalho e na escola, isolamento social, crises de choro, vontade de se matar.

 

2-Qual a importância de se estudar a depressão?

A depressão tem repercussões para o indivíduo e para a sociedade, sendo muitas vezes incapacitante e levando a afastamento do trabalho e da escola. Estima-se que em 2020 a depressão será a segunda causa de incapacidade do trabalho, segundo projeção da OMS(Organização Mundial de Saude).

A depressão costuma ser até 3vezes mais frequente em mulheres, comparando com os homens, por conta de questões hormonais e ligadas a dupla ou tripla jornada.

 

3-Quais os sinais e sintomas de depressão?

-tristeza

-vazio crônico

-perda do interesse em todas as atividades por mais de 2semanas

-emagrecimento ou ganho de peso significativo

-insônia

-agitação

-lentidão das ideias e do andar

-diminuição da capacidade de pensar ou raciocínio lento

-fadiga ou perda de energia

-apatia

-sentimentos de menos valia 

-sentimentos de vazio

-culpa excessiva e inapropriada

-pensamentos de morte

-vontade de cometer suicídio

-perda do apetite

-queda ou perda da libido

Estes sintomas não podem ser decorrentes de uma condição médica(COMO PROBLEMA DE TIREOIDE OU ANEMIA) ou uso de drogas ilegais(substâncias psicoativas).

 

4-Quanto tempo dura a depressão?

Depende muito de pessoa para pessoa. 

De maneira geral o primeiro episódio da depressão dura ATÉ 6meses, em aproximadamente 24% dos casos volta a depressão em 1ano e a maioria(mais de 50%) se tornam crônico, recorrente em até 5anos. Por isso a importância de se tratar o primeiro episódio de depressão desde o começo e o quanto antes.

Na maioria dos casos de depressão os episódios tendem a ser recorrentes, vão e voltam várias vezes, 50% recorrem no inicio do curso do primeiro ano e 85% para o resto de tempo de vida.

 

5-Porque tratar a depressão?

A depressão é um distúrbio frequente, comum em centros urbanos, que pode se tornar grave e incapacitante, crônico e recorrente.

O tratamento para a depressão é bastante eficiente e satisfatório, seguro, pode ser feito de forma ambulatorial, através de uso de medicamentos e psicoterapia.

Se não tratada a depressão de forma apropriada, podem haver sequelas como alteração de atenção e de concentração, deficit de inteligência e problemas de memória.

A depressão pode levar a morte por suicídio se não tratada, especialmente os casos graves de depressão.

 

6-Em que consiste o tratamento da depressão?

O tratamento consiste em um tripé: uso de antidepressivos (como por exemplo, a Fluoxetina e a Sertralina), terapia e atividade física regular. 

Deve se avaliar melhor os fatores de  estresse, avaliar luto(perda de entes queridos), situações de violência e sintomas de ansiedade. 

O tratamento da depressão almeja a extinção dos sintomas de depressão e o restabelecimento completa da funcionalidade, da produtividade no trabalho e na escola.

Os antidepressivos mais comumente usados e bem tolerados são os inibidores seletivos de recaptura de serotonina, que aumentam a serotonina no seu cérebro. São exemplos mais famosos desta classe de antidepressivos: a Fluoxetina, a Sertralina, o Citalopram e o Escitalopram.

Outra classe de antidepressivos que merece destaque é a de antidepressivos duais(Serotonina-noradrenalina), que agem no aumento cerebral de Serotonina e Noradrenalina nas ligações e fendas entre os neurônios, como por exemplo a Venlafaxina e a Duloxetina.

 

7-Quais os efeitos colaterais mais comum dos antidepressivos em geral?

Os Efeitos colaterais mais comuns são: tontura, desequilíbrio, mal estar, perda do apetite, disfunção sexual, perda ou ganho de peso, alteração do sono (insônia ou sonolência), alteração do Trato Gastrointestinal, diarréia, dor ou desconforto no estômago, agitação, ansiedade, irritabilidade, aumento de pressão arterial, enjôo, falta de atenção.

 

8-Quando devo começar e quando parar o tratamento medicamentoso?

A medicação deve ser usada em casos de depressão leve, moderada ou grave.

Se o paciente tiver depressão leve, pode começar a terapia e ver a resposta antes de iniciar o uso de antidepressivo.

Vale lembrar que o tratamento da depressão deve ser individualizado para cada pessoa, um a um, mas algumas regras básicas podem ser estabelecidas.

Em geral, em caso de primeiro episódio de depressão(6meses a 1ano), se deve parar o uso do antidepressivo após 6 meses da remissão de sintomas depressivos e a partir de se chegar a uma dose padrão, ideal para aquela pessoa.

Por outro lado, quando se trata de uma Depressão com 2 ou mais episódios, o tratamento com uso de antidepressivo tende a ser por longo tempo.

 

9-Quando devo parar a psicoterapia?

A psicoterapia quando de fala em depressão é um tratamento de médio a longo prazo, meses até anos.

Veja com seu terapeuta a melhor hora de parar a psicoterapia, nunca pare por conta própria o tratamento, mas vale dizer que varias sessões são necessárias para controle de sintomas e melhora da autoestima e a busca da melhor qualidade de vida. 

Mudanças de hábitos de vida não saudáveis( como falta de exercício físico e excesso de trabalho) para comportamentos saudáveis são extremamente necessários e a psicoterapia pode agir no sentido de promoção de saúde e para evitar novos episódios de depressão.

As psicólogas do Multicentro Saúde podem te orientar quando será a melhor hora de começar ou terminar a terapia, não se preocupe, amigo leitor. A Abordagem cognitivo-comportamental pode ser fundamental para ajuda no controle de sintomas e até cura, mesmo sem o uso de remédios.

 

10-Existe cura para a depressão?

O tratamento tem cura se feito de forma adequada, fazendo uso de remédio antidepressivo por tempo adequado, psicoterapia e atividade física regular.  Quando o episódio de depressão é único, um tratamento com remédios antidepressivos por 6 meses a 1 ano deve ser estabelecido. Quando a depressão é recorrente, com idas e vindas, deve-se fazer uso de antidepressivos por longa data. 

A cura vai depender da busca do paciente ao tratamento e melhoria da qualidade de vida, com monitorização de fatores de estresse e manejo adequado de fatores causadores de depressão.

 

 

Depressão não frescura! Se você sofre com a depressão não deixe de procurar ajuda com um profissional de sua confiança. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

É possível controlar a ansiedade ao comer?

April 29, 2018

1/10
Please reload

Posts Recentes

February 25, 2019

February 13, 2019

January 29, 2019

January 28, 2019

January 23, 2019

Please reload

Arquivo